Crônica: O Importante É Que Emoções Eu Vivi

A ansiedade e a emoção por algo ou alguém que queremos nos destroem, mas é uma destruição que vale a pena.

124

Neste post irei ser franca com vocês e falar que o nervosismo e a ansiedade, misturada com emoção, está tomando conta de mim, pois meu namorado está voltando para o Brasil. Quem já ficou afastada de uma pessoa especial sabe o que é isso, mas quem nunca teve essa experiência pode imaginar como é esperar por algo que deseja tanto que quando chega próximo do dia, acaba ficando ansiosa demais e até um pouco nervosa.

Já tive essas emoções quando chega o dia de uma viagem que estou esperando e desejando por um bom tempo, mas agora estou passando por isso de uma forma diferente, pois estou assim por alguém.

Muitas pessoas acabam ficando ansiosas demais que até passam mal, não conseguem dormir e perdem o apetite. Chega ser engraçado como nossas emoções mudam muitas coisas no nosso corpo e como isso deixa todos nós “diferentes”.

O que podemos fazer em relação a isso? Tentar controlar o máximo possível e sempre tentar deixar o que quer de “lado” para não morrer de ansiedade ou de nervosismo. Mas como diz o querido Roberto Carlos: “o importante é que emoções eu vivi”!

♥ Não deixe de acessar as redes sociais ♥

 FACEBOOK – TWITTER – INSTAGRAM – YOUTUBE – MÍDIA KIT

Anúncios